terça-feira, 16 de março de 2010

Entre Vênus e Baco, Alma Tadema

Dando uma olhada nos blogs de outros politeístas helênicos, achei no blog da Glaux esta citação que eu simplesmente amei:



"Pesados cachos de uva se penduram das videiras retorcidas: de fato, Afrodite é apenas mais atrativa quando unida a Baco; seus prazeres são mais doces quando misturados. Separados, tem menos tempero."
"Erotes", Pseudo-Luciano, descrevendo o templo de Afrodite em Knidos.

Não pude evitar lembrar dessa imagem de Alma Tadema (yes, nós amamos pré rafaelitas), chamada "Entre Vênus e Baco" que é atualmente o meu ícone no blogger.

Acho de uma delicadeza ímpar a imagem da mênade bebendo da fonte de Afrodite. Olho a rosa tatuada no meu braço e só posso concordar que sim, é verdade. Os caminhos de Dionísio e de Afrodite são mais doces quando se cruzam.

4 comentários:

Améthysta Eleúthera Kunoloverna disse...

Lindo blog.

Jota Olliveira disse...

Meu amor...
Que observação maravilhosa...
Apesar de não ter ligação (conhecida) com Dio, tenho com Afrodite e sem dúvida nenhuma, se sua doçura já é estonteante... unida a intensidade que é Dio... Por Zeus... que vida plena ;)
Bjs

Filhote de Lua disse...

Como não tem, J?
ligação número um: vc segue o panteão onde ele está inserido. O bom do politeísmo é que se vc quiser (e tiver tempo,rs) pode louvar os 30 000 deuses do panteão.
ligação núemro dois: vc é devoto de Zeus, que é o pai do cara, né. dá para sacar muito sobre os deuses nessas relações de pais e filhos. Ainda mais esse pai com esse filho...

Jota Olliveira disse...

Não tinha pensado por essa linha. Mas de fato, tudo haver =D
Vlw ;)

 

Simply Fabulous Blogger Templates, header by Alex: 'A Lilly Pond'(J.W.Godward).